Concerto gratuito reúne Sinfônica Jovem de Goiás e maestro Thiago Santos

Thiago Santos (Foto: Divulgação)
Thiago Santos (Foto: Divulgação)

O maestro carioca Thiago Santos é a grande atração desta semana na 3ª Mostra de Música Erudita do Estado de Goiás. Primeiro latino-americano contemplado com bolsa de estudos para o renomado programa de regência do Royal Northern College of Music, na Inglaterra, Santos vai conduzir a Orquestra Sinfônica Jovem de Goiás neste domingo (15/4).

O evento é totalmente gratuito e está marcado para as 11 horas, no Teatro Basileu França (Avenida Universitária, Setor Leste Universitário, em Goiânia). Laura Umbelino está escalada para o solo ao piano. No repertório, obras de Ronaldo Miranda e compositores goianos, como Fernando Cupertino, Estércio Cunha e Joaquim Jayme.

Thiago Santos

Maestro titular da Orquestra Sinfônica da Universidade Federal da Paraíba, o carioca Thiago Santos foi o primeiro latino-americano contemplado com a bolsa de estudos Leverhulme Arts Scholar para o renomado programa de regência orquestral do Royal Northern College of Music, na Inglaterra. Entre 2014 e 2016, atuou como regente assistente das orquestras BBC Philharmonic e da Royal Liverpool Philharmonic, colaborando com renomados maestros como Juanjo Mena, Vasily Petrenko, Yan Pascal Tortelier, Ton Koopman e John Storgards.

No Brasil, dirigiu a Filarmônica de Minas Gerais, Sinfônica de Porto Alegre, Sinfônica de São José dos Campos,
Sinfônica da UFRJ, entre outras. Na Inglaterra, também trabalhou com a Stockport Symphony, Nottingham
Philharmonic e Manchester Camerata. Ainda na Europa, regeu a Buhoslav Martinu Philhamonie (República Tcheca) e U Artist Festival Orchestra (Ucrânia).

Vencedor do Concurso para Jovens Regentes da Orquestra Sinfônica de Porto Alegre (2011), em 2015, foi um dos 10 semifinalistas na Antal Dorati Competition, na Hungria, competição que reuniu mais de 120 regentes de diversos países. No mesmo ano, colaborou com membros da Mahler Chamber Orchestra regendo masterclasses orquestrais para jovens músicos na Inglaterra.

Seu vasto repertório compreende música sinfônica, coral e ópera, do barroco à música contemporânea, tendo
dirigido estreias mundiais de inúmeras obras no Brasil e no exterior. Estreou no Theatro Municipal do Rio de Janeiro dirigindo a montagem da ópera Savitri, de Gustav Holst, e ainda colaborando em outras produções como Lo Schiavo, de Carlos Gomes, e Jenufa, de Leos Janacek.​

Defensor da música brasileira, Thiago ainda é um estudioso da obra de José Maurício Nunes Garcia e de Francisco
Braga. Também colabora com a Academia Brasileira de Música através edições e revisões de obras de importantes compositores brasileiros, tais como: Heitor Villa-Lobos, Francisco Braga, Henrique Oswald, Mário Tavares e Ernani Aguiar.
 
Cursou bacharelado e mestrado em regência na UFRJ com André Cardoso. Outros mentores no Brasil e no exterior foram: Sir Mark Elder, Giancarlo Guerrero, Juanjo Mena, Vasily Petrenko, Marin Alsop, Fábio Mechetti e Guillermo Scarabino.

Fonte: https://www.thiagosantos.mus.br/biografia

Laura Umbelino

Laura Umbelino (Foto: Divulgação)
Laura Umbelino (Foto: Divulgação)

Pianista e professora natural de Goiânia, Laura Umbelino é doutoranda em Práticas Interpretativas pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP) sob a orientação do Prof. Dr. Mauricy Martin. Realizou sua graduação em piano na Escola de Música e Artes Cênicas da Universidade Federal de Goiás na classe da Profª. Gyovana Carneiro e obteve seu Mestrado em Música na mesma instituição, sob a orientação da Profª Drª. Glacy Antunes de Oliveira. Iniciou seus estudos aos 6 anos de idade na classe da Ericka Vilela.

Com 13 premiações em concursos de piano merecem destaque; 2º lugar no III Concurso Internacional Honorina Barra e o 2º lugar no VIII Concurso Nacional Souza Lima, em 1999; o 2º lugar no XVIII Concurso Nacional Cidade de Araçatuba e o 2º lugar no XIII Concurso Nacional de Piano ARTLIVRE, em 2001; o 1º lugar no XVII Concurso Nacional de Piano “ArtLivre” em 2004, e o 2º lugar no XXIV Concurso Nacional Souza Lima, no ano de 2015.

Frequenta assiduamente Festivais e participa de master-classes, trabalhando com professores renomados, como Michael Uhde, Fany Solter e Luís Blumenschein, Fernando Garcia Torres, Pierre Feraux, Viktor Chouchkov, Marek Szlezer, Caio Pagano, Sérgio Gallo, Ana Claudia Belo, Ana Flávia Frazão, Celina Srzvinsk, Mauricy Martin, Maria Teresa Madeira, Robervaldo Linhares. Em Julho de 2008 foi uma dos 15 pianistas bolsistas selecionados para o “I Encontro de Pianistas em Paraty”, realizado pelo Instituto de Artes da UNICAMP. Em janeiro de 2013 foi bolsista do 8º Festival de Música de Santa Catarina (FEMUSC). Em 2016, foi uma dos 10 pianistas bolsistas selecionados para participar da “Academia de Piano com Ricardo Castro”, realizado pelo projeto Neojibá em Salvador.

Lecionou em Goiânia no Estúdio Ericka Vilela entre os anos de 2010 e 2015, preparando crianças e adolescentes detentores de prêmios no Concurso Nacional Souza Lima em 2013 e 2014. Também atuou na preparação desses jovens alunos para performances no exterior. Realizou várias turnês internacionais: em julho de 2012 tocou em dois grandes centros históricos da Áustria, o Palácio de Schönbrunn em Viena e Palácio de Fronhburg em Salzburgo. Em julho de 2013 realizou se apresentou na Europa e no Norte da África; na Itália tocou na Sala Baldini e no Palazzo Pamphili, em Roma, e no Auditório da Scuola Musicale de Milão, no Norte da África tocou no “Festival Internacional de Hammamet” e no “28º Festival Internacional de Música Sinfônica de El Jem”, a convite do Governo Tunisiano. Em setembro de 2014 tocou no Espacio Ronda em Madrid e na famosa sala Alicia de Larrocha no L’Auditori em Barcelona. Mais recentemente, em junho de 2015, tocou na prestigiosa sala Weill Hall no Carnegie Hall.

No ano de 2016 realizou durante seu doutorado o estágio pedagógico no curso de graduação na UNICAMP, assumindo a classe de piano do Prof. Dr. Maurícy Martin, substituindo-o durante sua licença sabática.

Em setembro de 2017 realizou a estreia do Concerto Brasileiro em fá menor para Piano e Orquestra do matemático e compositor Rubens Lintz frente a Orquestra Sinfônica da Unicamp sob regência do maestro Tiago Roscani.

Créditos

A 3ª Mostra de Música Erudita do Estado de Goiás é um projeto contemplado pelo Fundo de Arte e Cultura do Estado de Goiás 2016 e apresentado pela Secretaria de Estado da Educação, Cultura e Esporte (Seduce) e pelo Governo de Goiás. Tem o apoio da Universidade Federal de Goiás (UFG), da Escola de Música e Artes Cênicas (Emac-UFG), da Pró-Reitoria de Extensão e Cultura (Proec), do Centro Cultural UFG, da Secretaria de Estado de Desenvolvimento (SED), do Instituto Tecnológico de Goiás em Artes Basileu França e da Orquestra Sinfônica Jovem do Estado de Goiás (OSJG). A realização é da ArteBrasil Projetos Socioculturais e da Botelho Produções.

 

[SERVIÇO]
CONCERTO COM SINFÔNICA JOVEM DE GOIÁS E MAESTRO THIAGO SANTOS
Data: 15 de abril de 2018 (domingo)
Horário: 11 horas
Local: Teatro Basileu França (Av. Universitária, 1750 – Setor Leste Universitário)
ENTRADA FRANCA

 

REPERTÓRIO DO CONCERTO

  • Ronaldo Miranda – “Concerto para Piano e Orquestra”
  • Estércio Cunha – “Movimento para Orquestra”
  • Fernando Cupertino – “Suíte Sinfônica”
  • Joaquim Jayme – “Cavalhadas, Percussão e Pireneus”

 

Orquestra Sinfônica Jovem de Goiás (Foto: Lorena Moraes)
Orquestra Sinfônica Jovem de Goiás (Foto: Lorena Moraes)

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *